domingo, 2 de dezembro de 2007

Natal - presépio

É lindo o pôr-do-sol visto da minha varanda, não acham?

Um alfinete com flor de feltro feita pela minha filha com a técnica das agulhas, bolas em veludo (castanho e cor-de-laranja, peças em fimo, pérola em dois tons, peças douradas e um murano em castanho com pintas azuis, florzinha branca em acrílico e vários pedacinhos de corrente fininha.



Travessão decorado com pasta de missanga.

Caixa decorada pela minha filha para acondicionar o presente de uma amiguinha. Ficou linda!


Continuamos a decorar objectos para presentear os amigos, no Natal. Pegámos em duas velas sem qualquer decoração e utilizámos a técnica do guardanapo. Após ter secado, passámos à etapa seguinte...
Foi delineado o anjo com tinta dourada e feitas algumas florzinhas na vela azul.
Por fim, foram ambas delineadas a ouro. O resultado final está bem à vista. Devo dizer-vos que foi o nosso primeiro trabalho com esta técnica e não ficou nada mal, pois não?

Assim nasce um presépio:
Costumamos juntar a família, dividir tarefas e mãos à obra... O presépio é feito, sempre, no primeiro fim-de-semana de Dezembro. Uns vão ao pinhal apanhar ramos e musgo, outros procuram na garagem o caixote que contém o estábulo, há os que arranjam pedras e areia para embelezar o nosso presépio e os mais pequenos trazem as figuras com todo o cuidado e depois dispõe-se tudo, segundo o gosto e a emoção do momento, ao lado da porta de entrada da nossa casa. É uma alegria para a pequenada! "O presépio nunca fica igual, tia!", diz o meu sobrinho que é quem mais vibra.






Eis o resultado final...















3 comentários:

Manuela disse...

Lindíssimo poema! Parabéns à autora e tb às criadoras do belíssimo presépio. Por uns instantes, viajei até Belém da Judeia e senti-me feliz... agradeci então a Deus o bebé que acabara de nascer. bjinhos

S o f i a disse...

Lindissimo o presépio :D

Kelen Vieira da Rosa disse...

Presépio maravilhoso! Fiquei emocionada com o ritual de montagem... Parabéns! Deus abençoe sempre sua família!