sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Uma história de amor


A História do Sol e da Lua


Quando o SOL e a LUA se encontraram pela primeira vez,
apaixonaram-se perdidamente
e a partir daí começaram a viver um grande amor.
Acontece que o mundo ainda não existia
e no dia em que Deus resolveu criá-lo,
deu-lhes então o toque final: o brilho!
Ficou decidido também que o SOL iluminaria o dia
e que a LUA iluminaria a noite.

Sendo assim,
seriam obrigados a viver para sempre separados.

Abateu-se, então, sobre eles uma grande tristeza,
quando tomaram conhecimento
de que nunca mais se voltariam a encontrar.

A LUA foi ficando cada vez mais amargurada e,
mesmo com o brilho que Deus lhe tinha dado,
tornou-se mais e mais solitária.

O SOL, por sua vez, havia ganhado
um título de nobreza: "ASTRO REI",
mas nem por isso ele ficou feliz.

Deus então chamou-os e explicou-lhes:
- não devem ficar tristes,
ambos possuem agora brilho próprio!
Tu, LUA, iluminarás as noites frias e quentes,
encantarás os enamorados
e serás diversas vezes motivo de poesias.
Quanto a ti, SOL, sustentarás esse título
porque serás o mais importante dos astros,
iluminarás a terra durante o dia,
fornecerás calor ao ser humano
e a tua simples presença fará as pessoas mais felizes.
A LUA entristeceu-se muito

com o seu terrível destino

e chorou dias a fio...
Já o SOL ao vê-la sofrer tanto,
decidiu que não poderia deixar-se abater

pois teria de dar-lhe forças e ajudá-la
a aceitar o que havia sido decidido por Deus.
No entanto, a sua preocupação era tão grande
que resolveu fazer um pedido a Deus:
Senhor, ajude a LUA, por favor,
ela é mais frágil do que eu,
não suportará a solidão...
E Deus em sua imensa bondade

criou então as estrelas para lhe fazerem companhia.
A LUA sempre que está muito triste
recorre às estrelas e estas fazem tudo
para consolá-la, mas nem sempre conseguem.

Hoje, eles vivem assim... separados,
o SOL finge que é feliz,

a LUA não consegue esconder que é triste.

O SOL ainda esquenta de paixão pela LUA
e ela ainda vive na escuridão da saudade.

Dizem que a ordem de Deus era que a LUA
deveria ser sempre cheia e luminosa,
mas ela não consegue isso...
porque ela é mulher e uma mulher tem fases.
Quando feliz consegue ser cheia,
mas quando infeliz é minguante

e enquanto é minguante nem sequer
é possível ver o seu brilho.

A LUA e o SOL seguem o seu destino,
ele solitário mas forte,
ela acompanhada das estrelas, mas delicada.
Os homens tentam a todo o instante conquistá-la,
como se isso fosse possível!
Uma vez por outra, alguns vão até ela
e voltam sempre sozinhos, nenhum deles
jamais conseguiu trazê-la até à terra,
nenhum deles realmente conseguiu conquistá-la,
por mais que achem que sim.


Acontece que Deus decidiu que
nenhum amor nesse mundo seria de todo impossível,

nem mesmo o da LUA e do SOL...
e foi aí, então, que ele criou o eclipse.
Hoje, o SOL e a LUA vivem à espera desse instante,
desses raros momentos que lhes foram concedidos
e que custam tanto a acontecer.
Se olhares para o céu a partir de agora
e vires que o SOL encobriu a LUA
é porque ele se deitou sobre ela e começaram a amar-se
e é ao acto desse amor que se deu o nome de eclipse.


É importante lembrares-te que o brilho
do êxtase deles é tão grande que
se aconselha a não olhares para o céu nesse momento,
os teus olhos podem cegar de ver tanto amor.

Bem, mas na terra também existe sol e lua...
e portanto existe eclipse...
mas essa era a única parte da história
que tu já sabias, não era?


Trabalhinhos:



brincos

A Mena na cozinha

Peru com requeijão

700g de bifes de peru cortados em tiras

1 caldo de galinha Knorr

1 cebola

1 dente de alho

1 malagueta grande

Água

1 copo de concentrado de tomate

Azeite

1 lima

Alho em pó

Sal

Pimenta

1 requeijão



Tempere a carne com sal, pimenta, alho em pó e sumo de lima.

Faça um refogado com a cebola, o alho e o azeite. Quando a cebola estiver lourinha, junte a malagueta aos pedaços e a carne. Deixe alourar a carne e junte um pouco de água, cobrindo-a. Junte o caldo Knorr. Deixe cozer.


Quando estiver cozido, junte o concentrado de tomate e deixe ferver.

Junte o requeijão, misturando bem. e deixe apurar um pouco.

Sirva com arroz branco e uma boa salada.


Miminhos


Deixo-vos estes miminhos lindos. O primeiro foi-me oferecido por esta menina e o segundo por esta.
Aqui ficam, então! Levem-nos.


Para reflectir!



14 comentários:

artes_romao disse...

boa noite,td bem?
está td muito bonito...
parabéns.
obrigado também pelos miminhos.
bom fdsemana,fica bem.
jinhos***

Mona Lisa disse...

Olá Mena

Adorei a história do Sol e da Lua.

Aproveitei para jantar e apreciei os teus trabalhinhos.

Bjs e bom fim de semana.

Maria Cusca disse...

Olá Mena.
Mais uma Historia linda de amor.
O jantar estava delicioso.
Os trabalhinhos, estão lindos.
E obrigada pelos miminhos.
Jinhos e bom fim de semana

APO (Bem-Trapilho) disse...

Oi Mena! só temas interessantes como sempre! adorei a música, o texto, a receita... mas os trabalhinhos sao o que me prende mais! adorei!
bjinhos minha querida e obrigada pela força ao blog da M..
Já lá tem novidades! :) começou a saga das Mascotes!!! :)

mil bjos das duas!

http://bom-feeling.blogspot.com/
http://bem-trapilho.blogspot.com/
http://m-de-menina.blogspot.com/

Sonia Facion disse...

Oi Mena!!!!

Linda essa história da Lua e do sol.
Não conhecia.

Afinal de contas, o que ser esse projeto misterioso?
Já falei tantas coisas e não acertei nenhuma!

Obrigadinha pelos mimos, já estou a levar.

Bjks e bom findi.

Sonia

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Mena linda,

Tudo que envolve amor é belo... e essa estória do Sol e da Lua é fantástica.

Noite de luz, menina linda.

Rebeca

-

arteseriscos disse...

Bom dia,

Vim agradecer pela sua visitinha, pelo seu comentário e pelo miminho..

www.arteseriscos.com

Ana Rodrigues disse...

Olá!
Lindos trabalhinhos! num manequim cada vez mais misterioso!
Bela história!
Receita saborosa!
Obrigado minha querida vou já levar o selinho!
Bjs e bom fim de semana

olharapus disse...

obrigada pelos miminhos, vou levá-los! os brincos estão muito bonitos!...nunca provei perú com requeijão deve ser delícioso!
beijinhos

Brunette disse...

Olá Mena!
Muito interessante a história do Sol e da Lua!
Fiquei com vontade de experimentar esta receita...
E o trabalhinho mistério continua a crescer!
Bjos e bom domingo.

Abelha Maia disse...

Não conhecia essa história tão linda.
O trabalho continua a crescer e comcores lindas.
Essa receita é diferente, original.
Bjsssss

APO (Bem-Trapilho) disse...

oi amiga! tudo bem?
vinha ver se havia novidade por aqui.
deixo-te uma bjoka e aproveito para dizer que no blog da M. já há novidades. queres conhecer o Pintas?
bjinhos :)

Sabrith disse...

Ola Mena
Quanta novidade por aqui
e eu engordo só de olhar essas gostosuras daqui kkkkkkkk
tenha uma linda semana
Bjokas:D

Chocolate disse...

olá amiga! beijinhos e boa semana :) os brincos ficaram mt bonitos!