sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Canto III d'Os Lusíadas


RESUMO DE "OS LUSÍADAS"

CANTO III


Este canto III, bem como o IV e o V, vai passar-se na nau de Vasco da Gama e em Melinde. Neles, Vasco da Gama vai responder às perguntas feitas pelo rei de Melinde.

O narrador começa por invocar Calíope, musa da poesia épica e da História, para que lhe ensine o que Vasco da Gama contou ao rei de Melinde. Assim, a partir daqui, o narrador passa a ser Vasco da Gama. Segundo ele, não contará uma história estranha, mas irá louvar a sua gente, o que, na sua opinião, não será o mais correcto. Por outro lado, receia que o tempo de que dispõe, por mais longo que seja, se torne curto para contar tantos e tão grandiosos feitos. Mas obedecerá ao seu pedido, procurando ser breve. Começará então por falar-lhe sobre o seu país e a sua situação geográfica e, em seguida, falará dos grandes feitos militares portugueses.

Depois de descrever a Europa e de situar aí a Península Ibérica, Vasco da Gama fala das origens de Portugal, desde Luso a Viriato, indicando também a situação geográfica do seu país relativamente ao resto da Europa. A partir da estância 23, começa a narrar a História de Portugal desde o conde D. Henrique até ao rei D. Fernando, último rei da primeira dinastia.

Os principais episódios narrados dizem respeito aos reinados de D. Afonso Henriques e D. Afonso IV.

Relativamente ao primeiro rei de Portugal, narra as diferentes lutas travadas por ele: contra sua mãe, D. Teresa, contra D. Afonso VII e contra os mouros, para alargamento das fronteiras em direcção ao sul. São de destacar os episódios referentes a Egas Moniz (estâncias 35-41) e a Batalha de Ourique (estâncias 42-54).

No reinado de D. Afonso IV, destacam-se os episódios da formosíssima Maria, em que sua filha lhe vem pedir ajuda para seu marido, rei de Castela, em virtude de o grão rei de Marrocos ter invadido a nobre Espanha para a conquistar; o episódio da batalha do Salado, em que juntos os dois Afonsos vencem o exército árabe; e, finalmente, o episódio de Inês de Castro, a mísera e mesquinha que depois de morta foi rainha.





A Mena na cozinha

Coxinhas de frango com batata doce

8 coxinhas de frango
400 g de batata doce

azeite
sal
pimenta
10 g de salva fresca
200 g de couve lombarda
200 g de couve portuguesa
4 fatias de pão caseiro ou de centeio
2 dentes de alho
1 folha de louro
10 g de coentros

Marinada
azeite
0,5 dl de vinho branco
sal
pimenta
raminhos de alecrim

Na véspera ponha as coxinhas a marinar e guarde-as no frigorífico.

Ligue o forno a 180º.
Coloque as coxinhas de frango, juntamente com a marinada, numa assadeira e leve ao forno durante trinta minutos.
Lave bem as batatas doces e sem as descascar, corte-as às rodelas. Tempere-as com um pouco de azeite (2 ou 3 colheres de sopa), sal, pimenta e salva fresca e leve também ao forno durante cerca de 20 minutos.

Entretanto, coza as couves em água a ferver durante 10 minutos. Enquanto as couves cozem, coloque as fatias de pão no forno durante cerca de 8 minutos, torrando-as de um lado e do outro. Escorra as couves e salteie em azeite com alho picado e louro. Junte coentros e tempere com sal e pimenta.

Sirva as perninhas de frango com a batata doce e acompanhe com as couves sobre o pão torrado.
Bom apetite!




Trabalhinho: lembram-se das florzinhas? Cá está uma delas. Que tal?

Pregadeira



Desafio


Ui! Que susto!

Regras:

1. Conta dois sustos que tiveste durante a tua vida, um em criança e outro em adulta/o.
2. Sobre um deves contar tudinho: princípio, meio e fim.
3. O outro deixas em suspenso, levando os participantes a descobrir o seu desfecho.
4. Colocar o link de quem te desafiou.
5. Desafiar pelo menos 5 amigas/os.
6. Atribuir um prémio ao primeiro participante que adivinhar o desfecho do susto.

1. Cá vão os dois sustos.
2. Quando era criança, o meu avô contava-nos histórias de lobisomens, monstros, bruxas, diabos...
Nós adorávamos aqueles contos, embora a minha mãe não gostasse muito que ele os contasse. Nós, no entanto, incentivávamo-lo e ele passava horas naquilo. Um dia, depois da história, a seguir ao jantar, já ele se tinha ido embora, a minha mãe pediu-me que fosse a casa dos meus avós, que ficava a 100 metros da nossa, para dar um recado qualquer. Na rua, existia uma fila de árvores enormes, muito bonitas, mas naquela noite estava muito escuro e eu não consegui passar para lá das árvores, porque me pareciam monstros. Ainda por cima, ouvi um ruído vindo de dentro das árvores e... desatei a correr para minha casa a gritar que estava um monstro enorme dentro das árvores. A minha mãe surgiu e culpou o meu avô de nos assustar com aquelas histórias.

2. Quando me casei, ainda estava na Faculdade e só ao fim-de-semana é que ia para minha casa, um apartamento num terceiro andar. O meu marido trabalhava por turnos perto de Lisboa, era radiologista, e por vezes saía bastante tarde. Uma noite dessas em que ele estava a fazer o turno da noite e só chegaria lá para as 4 da manhã, eu encontrava-me na cama a dormir e acordei com um ruído estranho, esperei que passasse, mas de vez em quando lá estava aquele barulho outra vez. Levantei-me, corri a casa toda, vi por baixo das camas, dentro dos roupeiros, passei a casa a pente fino... e nada. Voltei a deitar-me e o ruído continuava... Estava assustada e sozinha em casa.

Que ruído era aquele?

Se acertares, ganhas um prémio.

5. Passo o desafio a estas meninas:

APO
Sabrith
Brunette
Eunice
Sonia

Se mais alguém quiser brincar, pode entrar na brincadeira, será bem-vindo!

21 comentários:

Sabrith disse...

era um ratinho no seu apartamento?

Sonia Facion disse...

Ai, ai ai...Mena. a minha opção era a que a Sabrith falou, então vou dizer outra.....uma formiga caregando um grão de milho e como ele é pesado, quando ela andava batia de um lado para o outro, fazendo o baulho, hehehe...gostou da imaginação?

Bjks

Sonia

Sonia Facion disse...

Pra falar a verdade, acho que era um gatinho que entrou escondidinho, acho que acertei, né?

Sonia

Eunice Martins disse...

OLA MINHA QUERIDA, VOU LEVAR O DESAFIO MAS SÓ VOU POSTAR AMANHÃ, ADOREI O FINALZINHO DA FLOR, E QUE DELICIA ESSAS COCHINHAS DE FRANGO COM AS BATAS, AMIGA EU ACHO QUE O BARULHO ERA O VENTO,RSRRS, BEIJOS E MUITO OBRIGADA PELO DESAFIO E POR LEMBRAR DE MIM.

Mary disse...

Pois, eu bem gostava de ter um alecrim! Hihihi!
Gosto muito de batata-doce, também faço no forno, em papelote ou até puré, que é uma delícia!
Este teu prato é muito saudável com o toque suave das couves (que também adoro cozidas)!
Uma excelente ideia! :)
Bom FDS!

Brunette disse...

Olá Mena!
Seria o ramo de uma árvore a bater na janela ou seria a canalização da casa? Eu já estive numa casa onde parecia que a canalização tinha vida! Sempre que alguém no prédio abria a água, lá começava a sinfonia!
Vou publicar este desafio assim que houver alguém que acerte nas 3 mentiras, a Mena acertou em 2! Só falta mesmo uma...
Adorei a pregadeira, ficou espectacular!
Bjocas

Eunice Martins disse...

ola mena bom dia, amiga você acertou em todas,as minhas mentirinhas meus parabéns já me conhece bem, amiga vou levar o desafio e postar, amiga será que o barulho era do visinho de cima a fazer arcobacias na cama rsrsrsrssr,beijos e mais uma vez obrigada.

Eunice Martins disse...

ola mena já coloquei a outra mentira será que acertei,amiga eu tinha posto a mesma mentira duas vezes foi erro meu,beijocas.

Carla Silva e Cunha disse...

Ola
agradeço muito a visita e espero mesmo que tenha gostado da minha galeria e especialmente das minhas telas
bom fim de semana
beijinhos
Carla

∂αиι тαναяєѕ =') disse...

Oi Mena!

Bem, roidinho incomodativo, não??

Eu acho que deveria ser o vento passando numa janela entreaberta, ou então algo batendo nas janelas...

Beijinho *

Catita disse...

Amiga querida!!!

Queria muito agradecer-lhe o carinho e a atenção que tens tido comigo!!!!

E quanto aos seguidores, acho que ainda não conseguiste... Seu lindo nome ainda não se encontra junto aos seguidores catitos... rs


E quanto ao desafio, nossa!!! rs
Levo tantos sustos que nem sei qual foi o pior, mas agradeço de coração por teres se lembrado de mim!!!

E as perninhas de frango estão de dar água na boca!!! O aroma deve ser mesmo inebriante!!!


Beijinhos catitos, tenha uma linda semana!!!!!

Fica bem!!! =]

mfc disse...

Tu vê lá, que feitas por ti até me apetecem as cochas de frango!!

Quanto ao barulho que te assustava... deixa ver se acerto!
Ou era o quarto a mergulhar na escuridão, ou era alguma gravata berrante que tinhas no guarda vestidos!

Acertei??? Eheheheheheh...

APO (Bem-Trapilho) disse...

ahahaha adorei as respostas do amiga mfc. Muito Tex Avery!!! E eu até acrescentaria que talvez fosse o "canto" do quarto! :)
mas agora a sério: é pá, nem um pistinha, tipo se era um barulho alto, baixo, grave, agudo, metálico, seco, longo, curto...
mas vá eu acho que era algum animal (tipo cão, gato, por aí) a brincar com alguma coisa que fizesse um barulho estranho, num apartamento vizinho.
olha e parabéns pela originalidade do desafio! adorei! só ainda nao me consegui lembrar de dois sustos. assim de repente lembro-me de um mas falta outro. assim que me ocorrer ponho tb lá no blog. Obrigada por me desafiares!
quanto às mentirinhas, só acertaste na seis, realmente não sou do género paciência de santo! e eu foram todas ao lado, cada tiro cada melro, cada cavadela sua minhoca! :)))
quando é que divulgas quais as mentirinhas, fiquei curiosa! :)
bjinhos

Elba disse...

Esse frango com batata doce parece bem apetitoso.
Gosto dos dois e amo batata doce.
Obrigada por sua visita e volte sempre, viu?
O barulho? Hum...O ar condicionado do vizinho? rs
Beijos!

artes_romao disse...

boa tarde,td bem?
k bela prato, deve estar delicioso.
quanto ao acessório esta divinal,parabens.
fika bem,jinhos***

Chocolate disse...

ola querida!!
desejo-te boa semana! beijinhos **

Anónimo disse...

Boa noite!
Não a conheço e não tenho blog, mas através do meu filho, tive conhecimento deste link e fiquei fascinada, porque aqui encontra-se muita informação para todos os gostos. Vou agradecer-lhe a ajuda que tem dado ao meu filho que está no nono ano e que tem vindo aqui buscar apontamentos sobre o que está a dar. Agora vai começar Os Lusiadas e já me disse que aqui está muita da matéria que é importante e que precisa. Tenho uma filha no sétimo ano e já vi aqui também um post sobre o Arroz do Céu a obra que ela vai dar. Pronto, só vim mesmo agradecer e pedir para continuar a esctrever sobre a matéria que é dada na escola porque é uma grande ajuda para os estudantes.
As receitas também me parecem bastante saudáveis, algumas hei-de experimentar.
Os trabalhos manuais são de muito bom gosto.
Obrigadfa por tudo, continue a pôr a matéria sobre Os Lusiadas.
Alice B.

APO (Bem-Trapilho) disse...

olá amiga!
já está respondido no bom feeling :)
bjos

Carla disse...

Oi amiga, foi esse desafio que vc me deixou???
Me avise que posto lá.
Beijos, Carla.

Anjo Negro disse...

olá mena=)

que lindos trabalhinhos =)

por aqui anda a inspiração fortemente ligada a Camões =)

bjs

Anjo Negro disse...

olá mena=)

que lindos trabalhinhos =)

por aqui anda a inspiração fortemente ligada a Camões =)

bjs